Pamonha da Vovó - Chica Doida

Pamonha da Vovó (4 estrelas)

Dessa vez decidimos ir comer uma das maravilhas da nossa terrinha, comemos pamonhas na Pamonha da Vovó! Quem não gosta de pamonha?

Pamonha da Vovó - Chica Doida
Pamonha da Vovó – Chica Doida

O local é bem antigo e o engraçado é que quem serve é você mesmo! Tem um balcão enorme com várias caixas térmicas com as pamonhas de vários sabores, tudo bem arrumadinho.

E o que comemos na Pamonha da Vovó?

AKAK: Uma das melhores pamonhas que já comi daqui de Goiânia. Quentinha, molinha e super bem recheada. Pra minha sorte, a pamonha é bem molhadinha. Fora que ela é enorme, deve ter uns 18 cms ou mais.

Pamonha da Vovó - Pamonha de Queijo, Coco Ralado e Creme de Leite
Pamonha da Vovó – Pamonha de Queijo, Coco Ralado e Creme de Leite

A pamonha de queijo com coco ralado e creme de leite é dos deuses, só não dá pra sentir muito o gosto do creme de leite, o que é bom, pois a mistura de queijo com coco a deixa muito gostosa. Agora a de Frango com Catupiry e Pimenta é a melhor de todas.

A chica bacana, não é lá muito essas coisas. Achei extremamente apimentada, um pouco sequinha e só conseguia sentir o gosto da azeitona.

DHDH: Dessa vez eu fugi um pouco das pamonha e comecei experimentando a chica doida. Sei lá, não gostei muito, é uma massa de milho e só, quase não tem recheio e tem uma mega camada de palha de milho em volta que dificulta a comer, achei pequena, cara e massuda, não compensou.

Pamonha da Vovó - Pamonha Frango com Catupiry e Pimenta
Pamonha da Vovó – Pamonha Frango com Catupiry e Pimenta

Depois disso decidi comer uma pamonha, a AK estava comendo uma pamonha doce de queijo, coco e creme de leite, e eu acabei não gostando muito, sei lá, eu acho que pamonhas doces não é uma coisa que combina, não gosto, preferi pegar uma mais simples de frango com catupiry e pimenta.

Realmente gostei bastante dessa, a pamonha é bem grandinha, meio magrela, mas ela é maiorzinha, achei que ela estava bem preparada, não tão mole nem tão dura, no ponto certo, gostei bastante.

Faixa de Preço

  • Pamonha de Frango com Catupiry e PimentaR$ 6,00
  • Pamonha de Queijo, Coco e Creme de LeiteR$ 4,50
  • Chica DoidaR$ 12,50

Recomendamos?

Sim! O preço é acessível pelo tamanho da pamonha, mas não compensa pra chica doida e o local ainda serve várias outras comidas regionais, como curau, bolinhos de milho, etc.

Onde fica?

Pamonha da Vovó – Rua 83, #21 – em frente a praça cívica, Centro, Goiânia.

E olha só, esse é o nosso centésimo post, desde o finalzinho de 2011 quando decidimos dividir as nossas experiências gastrônomicas com vocês.

É muito gratificante pra gente fazer esse blog pra vocês. Muito melhor ainda quando vocês comentam ou mandam e-mail falando dos lugares que foram, das comidas que comeram e de que nossa opinião foi importante pra vocês. Isso é muito motivador pra gente.

Vamos continuar visitando e trazendo mais lugares pra você, e que venham mais 1000. 😀

Pamonha da Vovó
Data de Publicação: 03/07/2013
4 / 5 estrelas

14 thoughts on “Pamonha da Vovó (4 estrelas)”

  1. sugiro a voçes conhecerem uma pamonha na feira em frente ao supermercado moreirinha e quarta feira de cedo ate por volta das 17:00 hrs

  2. Olá! Descobri o site de vcs hoje e estou gostando muito. Aqui em Goiânia há muito poucas informações sobre bares, restaurantes e congêneres, uma pena! Vcs estão fazendo um excelente trabalho!!

    Até agora só não concordei com o Hakone, pra mim ele é de longe o PIOR restaurante de comida japonesa da cidade. Estive lá há 2 semanas e simplismente não consegui comer nada (nunca pensei que isso pudesse acontecer, pois adoro comida japonesa… ), tudo estava velho, com gosto estranho, os peixes desidratados, em fim, uma noite jogada fora. Agora, sobre o Nirá, fiquei com vontade de conhecer

    Então, sobre a pamonharia, não encontrei mais avaliações de vcs. Gostaria de saber se a tal chacrinha do milho é boa, não a conheço ainda, mas ouvi falar bem.

    Gostaria de sujerir algo a vcs: seria bacana se vcs fizessem uma espécie de ranking em várias modalidades, isso nos guiaria melhor na escolha dos restaurantes.

    Mais uma vez, parabéns pela iniciativa. Vcs escrevem muito bem!

    1. Oi Rogério!

      A nossa resenha do Hakone já tem um tempo né, pode ser que tenha piorado o atendimento, apesar de que eu acho difícil ele ser o pior da cidade, no mais o nosso queridinho ultimamente é o Nirá, conhece?

      Nós visitamos poucas pamonharias… mas nós chegamos a encomendar algo da chacrinha do milho, mas já tem tempo…

      Não entendi muito a idéia do ranking… como seria isso? porque os lugares já tem a nota e dá pra ver os vários lugares nas categorias… tem como explicar melhor?

      Valeu pelo comentário!

  3. Adoro as pamonhas de lá. Confesso que o preço tem sido salgado mas o que incomoda mesmo é a arrogância da proprietária me parece que a incomoda fazer qualquer tipo de pergunta e na hora de pagar não recebo um “obrigada” e quando agradeço não há replica por parte da mesma.

    1. Oi Paula.

      Nós já fomos lá a algum tempo e realmente parece que o preço aumentou bastante mesmo, e sim, o pessoal do atendimento é bem ruim mesmo, hoje em dia nós não recomendamos lá tanto assim mais.

      Valeu por comentar!

  4. Eu adoro a pamonha de lá e chica doida mas o atendimento é um lixo. Todas as vezes que fui lá passei raiva. A gerente é muito grossa, os garçons não sabem atender o cliente e o suco é ultra-doce. Mas nada é pior que a gerente grossa. Não indico pra ninguém.

    1. Oi Frederico.

      Esse foi o nosso texto da discórdia por que todo mundo que foi lá na Pamonharia depois disse que realmente o atendimento não é nada bom, deve ter sido sorte nossa no dia.

      Infelizmente não dá pra indicar mais se o atendimento lá é assim.

      Valeu pelo comentário!

  5. Eu ia muito na Pamonha da Vovó. Porém, os preços lá não param de subir. Tenho até impressão de que voltamos à década de 80, com suas maquininhas de remarcação de preço. Toda vez que eu volto lá, está mais caro. A pamonha à moda, por exemplo, já está 6,30, que é uma das mais baratas. Não há mais nenhuma pamonha de 4,50. E o atendimento lá, também, não é dos melhores. Quando quero comer alguma coisinha gostosa e estou no Centro, acabo indo no Árabe.

    1. Nossa Débora é mesmo? Como nós só fomos lá uma vez não percebemos essa alteração brusca no preço, achamos meio caro mas no dia estava praticamente o mesmo preço das pamonharias maiores, tirando a chica doida, essa estava bem cara mesmo.

  6. Aparentemente, ou o lugar melhorou MUITO nos últimos anos, ou eu tive muito azar (normal) ou vocês tiveram sorte.

    Fui lá com uma ex e amigos há alguns anos, porque muita gente indicou como sendo a melhor de Goiânia. Mas foi um dos piores atendimentos que já vi na cidade. Além disso, funcionava até 22h, mas 19h30 já não tinha praticamente nada nas caixas térmicas. Das salgadas, acho que só tinha umas 2, pois não sobrou pamonha pra mim. Nada de 666 sabores de pamonhas, como anunciam.

    Acabei provando, por falta de opção, meu primeiro empadão goiano lá, e nem sequer estava bom.

    “Pamonha da Vovó” inclusive virou piada interna no grupo, usada até hoje como sinônimo de atendimento ruim e de lugar que se diz uma coisa mas é outra.

    Coincidentemente ontem eu passei em frente e pensei em dar uma nova chance ao lugar pra ver se é ruim mesmo ou foi uma noite infeliz aquela há alguns anos atrás. Depois do relato de vocês, talvez eu arrisque mesmo.

    1. Eu não posso falar que o atendimento é ruim por que você se serve paga e come, ou seja, não tem atendimento. 🙂

      Quando fomos era umas 20~21 mais ou menos e já tinha poucas pamonhas mesmo, mas tinha umas 3 ou 4 em cada caixa e umas 7 caixas diferentes, sorte nossa?

      Seu problema com o empadão foi o mesmo com a minha chica doida. tava bem ruinzinha.

      De acordo com o outro comentário aparentemente o lugar é meio “estranho mesmo” e eu estou começando a acreditar que foi um pouco de sorte nossa no dia que fomos (que já tem um tempinho já), se você vai dar uma chance ou não, não cabe a mim, mas vá com precaução. ;D

      1. Todo lugar tem atendimento, mesmo buffet. No nosso caso a gente perguntou se viria mais pamonha porque só tinham poucas caixas, e a maioria delas vazia. Ela só disse não e virou a cara. Perguntamos mais coisas e ela ignorou. Quando respondia algo, era irritada. O empadão era ela que servia e só chegou quando todo mundo estava terminando as pamonhas. Sempre que uma amiga que estava junto volta pra Goiânia eu falo de ir no pamonha da vovó, e a gente sempre dá risada. O lugar virou piada mesmo 🙂

        1. É isso aí de não responder e virar a cara não acho que tenha acontecido com a gente.

          Se bem que agora que tu falou realmente demorou bastante pra esquentarem o meu chica doida, não lembrava mais disso.

          Mas acontece, o lance é evitar esses lugaras. 😀

Deixe uma resposta

You have to agree to the comment policy.